A transformação da Ellie com o Freeletics: “Como combinei o Running e o Bodyweight”

Header cut2

2016 está sendo o ano da Ellie. Por quê? Ela conseguiu algo que até pouco tempo atrás parecia impossível. Ela odiava correr. Ela se dizia “a pior corredora do mundo”. Mas, depois de fraquejar no treino do Bodyweight, ela queria voltar aos trilhos. E rápido. Ela descobriu que o melhor jeito de fazer isso era combinar treinos do Running e do Bodyweight. Com ambos os sistemas de treino, Ellie assumiu um novo desafio. Um desafio que valeu a pena e que deu a ela os resultados que buscava conseguir. E mais. Veja como Ellie fez.

ellie

Quando você começou a treinar com o Freeletics?

“Eu fiz o meu primeiro treino exatamente há dois anos atrás – em agosto de 2014. Foi a primeira vez que fiz um treino físico voluntariamente. Abril de 2015 foi quando comecei a treinar de forma consistente com o Bodyweight Coach – uma das melhores decisões que já tomei.”

bw

Com qual Coach você começou?

“Meu primeiro Coach foi o do Freeletics Bodyweight. Depois de quase um ano de Bodyweight, dei uma pausa no treino e, em seguida, decidi começar de novo para voltar o que eu costumava ser, mas desta vez com um novo desafio. Assim, sendo a pior corredora no mundo, comecei a usar o Running Coach. Para me ajudar de verdade a ficar mais em forma e saudável como eu tinha sido no ano anterior, também combinei meu treino com o Nutrition Coach, já que eu tinha adquirido alguns maus hábitos na alimentação.”

Quais Coaches são a combinação perfeita para você? E por quê?

“Treinei durante 6 semanas, quase que exclusivamente com o Running Coach – 4 a 5 vezes por semana. Tenho que admitir que fiquei muito surpresa com a rapidez com que vi as primeiras mudanças e resultados. Após essas 6 semanas, estava super motivada e queria adicionar mais treinos do Bodyweight para começar a ganhar algum músculo e ficar cada vez mais definida. Ambos os sistemas de treino se beneficiam mutuamente: O Running melhora meu desempenho no Bodyweight e vice-versa. Uma combinação perfeita.”

Com qual frequência você treina e como combina os diferentes sistemas de treino?

“Eu treino pelo menos 4 vezes por semana. Atualmente treino basicamente com o Running Coach e faço mais um ou dois workouts do Bodyweight.”

run

O que você mais gosta nos diferentes sistemas de treino que você usa?

“Eu amo o Running porque me fez gostar de correr. Estou mais rápida, posso correr mais longe e eu me sinti muito mais em forma logo depois de começar. Nunca fui uma corredora, mas agora tudo isso está mudando. Posso correr 6k em 29 minutos, o que é uma loucura para mim. Os workouts também são divertidos e motivadores e agora fico ansiosa para correr.

O Bodyweight por outro lado, me ajuda a ficar mais forte. Sempre fui pequena e fraca, e adoro ver como posso ficar mais rápida e melhor nos workouts do Bodyweight. Frequentemente faço os meus treinos do Bodyweight com meus amigos e isso deixa tudo mais motivador.”

Qual é o seu local de treino favorito? Onde você normalmente faz os seus workouts?

“No trabalho, no parque ou no jardim de casa. Corro em vários lugares para manter o meu treino variado.”

Você treina junto com outros Atletas Livres da comunidade ou sozinha?

“Prefiro muito mais treinar com os outros Atletas e, nos últimos dois anos, conheci algumas pessoas fantásticas da comunidade Freeletics em Munique que estão sempre lá para me motivar. Já que a minha família mora em Londres, também é ótimo poder treinar lá quando vou visitá-los.”

O que mais te motiva?

“Meu progresso é provavelmente a minha maior motivação. Quando comparo as minhas fotos, olho para trás e vejo o quão longe cheguei, quero saber até onde posso chegar. Também ver no aplicativo do Bodyweight que as pessoas são motivadas por mim é, em si, uma grande motivação, porque sei que não posso decepcioná-las. Ainda é estranho ouvir as pessoas dizerem isso, mas é um dos sentimentos mais incríveis e me deixa muito feliz.”

progress week 0-8

Você tem alguma dica para treinar em um clima ruim?

“Na verdade, adoro correr na chuva, porque ela é muito refrescante. É só sair e, quando estiver molhada, você não vai mais se incomodar. E se eu realmente não estiver com vontade de treinar sob um clima ruim, digo a mim mesma que quanto maior for o esforço, mais eu vou ganhar.”

Se você já está avançado com o Freeletics Bodyweight, está na hora de ir ainda mais longe. Encare um novo desafio. Alcance novas alturas. Vá até os seus limites e, em seguida, os ultrapasse. Combine o Freeletics Running e o Freeletics Bodyweight e se torne sua versão mais forte, mais rápida e acima de tudo: sua melhor versão. Assim como Ellie. Ela começou a correr, e nunca mais olhou para trás. Agora é sua vez.