Adquira o seu Coach

“A força que eu precisava quando estava mais fraca.” – A história da Christiane

Christiane Header

Todos os dias, muitos nos escrevem e pedem para que compartilhemos suas histórias. Uma dessas histórias se destacou. Christiane é uma Atleta Livre com a seguinte mensagem: Você deve viver o momento. Se você quiser uma mudança, então tem que fazer uma mudança. Não amanhã, nem no ano que vem mas agora. Porque assim como ela, a vida pode tomar um rumo inesperado. Esta é a história dela.

Embedded content: https://www.youtube.com/embed/mXsR8ZZhunw

Como a maioria dos jovens de 28 anos, eu estava vivendo a vida ao máximo. Definindo objetivos para o meu futuro, planejando viagens pelo mundo, focando na minha saúde e condicionamento físico com treino para meia-maratona, além do Freeletics. Eu estava curtindo cada momento, tudo indo de vento em popa. Mas de repente a minha vida tomou um rumo inesperado e me ensinou uma lição de vida valiosa que agora quero compartilhar com vocês.

christiane

Em maio de 2015, descobri um nódulo. Após ser informada pelo meu médico de que provavelmente não seria nada perigoso segui minha vida, reservei a viagem dos meus sonhos para o Vietnã durante o verão e decidi que retiraria o nódulo antes de viajar. Mal sabia eu que aquele suposto check up para uma pequena cirurgia mudaria minha vida para sempre.

Quando me disseram que eu tinha câncer todo o meu mundo desabou. Como isso pôde acontecer comigo? Por que? O que eu fiz para merecer isso? Antes, eu sentia como se tivesse toda a minha vida pela frente. Agora, de repente, parecia que eu não tinha mais nada. Enquanto esperava os resultados dos testes que determinariam a gravidade do câncer, tomei uma decisão: se ele tivesse se espalhado para outras partes do meu corpo, não tinha o que fazer. Eu não faria nenhum tratamento, e em vez disso passaria o resto do meu tempo nesta terra viajando e realizando meus sonhos mais selvagens.

Mas, quando saíram os resultados dos exames, descobri que o câncer não tinha se espalhado. Então decidi fazer o tratamento e lutar contra ele com todo o meu ser. Entretanto, disse a mim mesma que não ia deixar essa experiência dominar a minha vida. Eu ainda tinha objetivos e de forma alguma desistiria deles. Minha atitude positiva e força mental, desenvolvidas através do Freeletics se tornaram minhas armas mais fortes e ainda me ajudam a lutar a cada dia. O esporte me deu a força que eu precisava quando eu estava mais fraca.

christiane

Eu não sei exatamente quando vou melhorar, mas isso não me impede planejar e olhar para o futuro. Se o meu tratamento ou uma operação fica entre mim e meu objetivo, tudo bem. Não deixo isso me derrubar. Ao contrário, escolho outro objetivo para perseguir. Atualmente estou me preparando para uma meia maratona. Não tenho 100% de certeza se vou conseguir correr, mas continuo treinando tão duro quanto posso e espero que mantendo a atitude positiva. Vou conseguir.

christiane

Estudos também têm demonstrado que a prática de esportes definitivamente tem um efeito positivo sobre doenças como o câncer. Eu sempre mantenho meus médicos informados sobre o que eu estou fazendo nos meus treinos e eles me incentivam a continuar. Se a minha condição piora e não estou me sentindo tão bem, então eles me dizem para dar uma pausa e descansar. Mas, geralmente, eles me apoiam totalmente e muitas vezes me usam como exemplo para os outros pacientes.

É claro que é frustrante quando vejo meus tempos piorando. Especialmente porque treinei muito duro para chegar onde estava antes de ficar doente. Antes eu conseguia fazer workouts 3x sem problema. Agora, fico exausta depois de 5 ou 10 burpees. Mas, contanto que eu termine, fico feliz.

Mas, na verdade, para mim o mais doloroso é quando vejo pessoas que têm a possibilidade de praticar esportes, que estão em forma, com boa saúde sem nada que os impeça, mas não dão valor. Eu os invejo porque eles não tem ideia da sorte que têm. Não há nada que eu queira mais do que ter as oportunidades que eles tem.

Sei que eu não sou mais “como a maioria dos outros jovens com 29 anos”, mas ainda me sinto como se fosse. No momento estou viva e, mesmo que a minha doença e toda esta experiência estejam fora do meu controle, ainda me sinto totalmente no controle da minha vida. Ainda estou fazendo todas as coisas que amo fazer e continuo a treinar. Mesmo quando estou fraca e minha quimioterapia me deixa cansada e esgotada, é o que eu quero fazer, então nada me impede de treinar.

christiane

Esta é a minha mensagem para inspirar outras pessoas que estão passando pelo mesmo que eu. A sua doença não te define. E certamente não é “o seu futuro”. Você ainda está no controle do que você faz agora. Então, continue a fazer as coisas que você quer. Permaneça positivo e vamos vencer essa luta!

E essa mensagem também vale para você que tem sorte o suficiente de não sofrer de uma doença tão ruim. É claro que é difícil. Você vai ter dias em que não vai querer treinar, quando te falta energia para sair do sofá. Não tem problema, só não se esqueça da sorte que tem de pelo menos poder escolher. Eu daria qualquer coisa para estar no seu lugar, portanto, cuide bem da sua saúde. Não perca mais um segundo de sua vida preciosa.

christiane

A única coisa que define você é a sua atitude. De hoje em diante trate cada dia como uma oportunidade para fazer uma história. Valorize cada minuto, porque o tempo perdido não pode ser recuperado. Lembre-se que, mesmo durante seus momentos mais sombrios, você é um dos sortudos. Tem sorte de possuir o poder sobre sua vida, seu futuro e destino. Ninguém vai te dar sucesso, felicidade e capacitação, você deve conseguir por conta própria e, com o Freeletics, você vai.

Muito obrigado, Christiane, por compartilhar a sua história. Estamos orgulhosos de ter você no nosso time.