Adquira o seu Coach

Você sabe escolher seus tênis de corrida?

Header RunningShoes

Escolher seus tênis de corrida por conta própria pode ser uma tarefa bastante cansativa e frustante, visto que temos um grande número de opções disponíveis para esse equipamento que tem um papel importante na absorção do impacto enquanto você corre. Por isso, é importante que você escolha com calma o tênis certo. Correr com os tênis errados pode ser a receita para o desastre, especialmente se você planeja correr longas distâncias ou em terrenos irregulares. Muitas lesões nos pés podem ser o resultado de tênis mal ajustados e o calçado impróprio é a principal causa de lesões típicas de corrida, como dores nas canelas, fascite plantar e tendinite. Sentir que seus pés tem ficado desconfortáveis no calçado pode ser um sinal de que seus tênis não são adequados para você. Fique atento a esses sinais de alerta.

Perda da unha do dedão ou Contusão

Se regularmente você usa tênis que são muito pequenos para você, você arrisca colocar muita pressão sobre os dedos dos pés e causar escurecimento ou perda da unha. Na verdade, há um termo para isso: dedão de corredor. Para se prevenir, deixe um espaço da largura do polegar entre a ponta do dedo mais longo e a frente dos seus tênis. Não tenha medo de usar um tamanho maior!

Bolhas

Se você é propenso a ter bolhas, você não é o único. Provavelmente as bolhas pequenas, porém dolorosas, são o motivo de queixa mais comum entre os corredores de longa distância. Este pode ser um sinal de que seus tênis estão muito apertados ou muito justos em certas partes do pé. Ao passo que seus tênis são projetados para prover suporte ao seu pé, eles ainda devem permitir uma gama completa de movimentos enquanto você corre. Nossa dica: Muitas vezes, as bolhas podem ser causadas simplesmente por você apertar demais os cadarços. Experimente diferentes técnicas de amarrá-los para encontrar um ajuste confortável para o seu pé.

Dor no calcanhar

A dor no calcanhar da fascite plantar é uma das lesões por corrida mais comuns, e correr nos tênis errados, especialmente em superfícies duras como o concreto, é uma causa típica. Pense nisso: enquanto você corre, seus calcanhares estão fazendo contato constante com o solo. Mais cedo ou mais tarde, eles começarão a mostrar sinais de estresse se os seus tênis não forem macios ou se não houver suporte suficiente para absorver o impacto.

Desgaste desigual

Como regra geral, você deve trocar seus tênis de corrida a cada 600-800 quilômetros corridos. Fique atento para saber se os seus tênis parecem assimétricos em seu desgaste. Por exemplo, se o calcanhar de um parecer mais desgastado do que o calcanhar do outro, pode ser um sinal de que você precisa de palmilhas personalizadas para equilibrar seu corpo.

Então, como você vai escolher o tênis certo?

  • Considere o tipo de superfície em que você estará correndo. Por exemplo, uma corrida em estrada exigirá um tênis mais leve e uma corrida na trilha exige um tênis com boa tração.
  • Invista na qualidade – não compre tênis de corrida baratos ou aquele par que “parece o melhor”!
  • Certifique-se de comprar tênis especificamente projetados para corrida. Os tênis normalmente usados para treino não têm o suporte ou a tração necessários para corridas mais longas e não vão te ajudar a conquistar a próxima meia maratona.
  • Solicite uma avaliação profissional dos seus pés em um podólogo. Isso incluirá a análise da sua marcha, que ajuda a determinar os recursos que você precisa no seu próximo par de tênis. É uma boa ideia fazer isso regularmente, pois nossos pés podem mudar à medida que envelhecemos.
  • Na loja, experimente tantos pares diferentes quanto possível, para ter uma ideia das opções e quais servem para você. Apesar que a compra de tênis on-line possa ser mais barata, você não consegue experimentá-los.
  • De tarde os tênis tem que estar confortáveis, já que seus pés incham ao longo do dia como resultado da atividade física. Compre um par que seja meio tamanho maior do que você normalmente compraria.

Siga estas dicas e diga adeus às muitas das lesões que você possa ter sofrido ao longo da sua carreira de treino. Boa Corrida!