Materiais que fazem a diferença

Header 11

Quando se trata de roupas esportivas, nós temos padrões bem altos. Elas precisam facilitar nossos movimentos, além de nos manter refrescados, aquecidos e secos durante incontáveis quilômetros, burpees, situps, pullups e squats. Elas precisam ser capazes de se sujar e também fáceis de lavar, nos proteger de possíveis arranhões e atritos, se esticar facilmente e nos destacar. Quem disse que estamos pedindo demais, não é mesmo?

Diversas pesquisas e novas tecnologias estudam os tecidos que usamos para praticar esportes. Então, vale a pena descobrir quais são eles, quais suas funções e qual se adequa melhor às necessidades do seu treino.

Cotton

Algodão

Provavelmente, a maioria das suas roupas confortáveis é feita de algodão. Claro que é confortável, mas não é sempre ideal para ser a primeira peça de roupa durante um workout que vai te fazer suar. Por quê? Por causa do seu alto nível de absorção de umidade. O algodão prende a sua transpiração e gruda na pele. Também não é o material mais flexível e essa é uma característica essencial das roupas do Freeletics.

Quando usar: O algodão é mais apropriado quando é usado como uma segunda peça ou camada, já que atua como um isolante. Ele armazena a umidade que emana do seu corpo até que ele evapore lentamente. Peças de algodão são os melhores casacos para o pós-treino. É por isso que nossos moletons são muito úteis para te aquecer depois do treino e te proteger contra possíveis resfriados durante a sua volta para casa.

Quando evitar: Durante seus treinos no inverno. Roupas de algodão ficam úmidas e se aderem à sua pele. Se estiver frio, essa será a condição perfeita para pegar uma gripe.

Elastane

Elastano

Todo Atleta sabe que, quando se trata dos exercícios do Freeletics, liberdade de movimento é prioridade. O elastano é bastante flexível, te dá essa liberdade e é exatamente do que precisamos durante o treino. A melhor parte é que, depois de se alongar, as fibras voltam ao seu tamanho original, então a peça serve perfeitamente todas as vezes.

Quando usar: O elastano é sempre uma boa ideia quando se trata de roupas esportivas. Por isso todos os produtos da nossa linha MAX. PRFRMNCE o incluem como parte dos materiais.

polyester2

Polyester

A melhor coisa sobre o polyester é que ele é resistente à chuva e, além disso, é extremamente duradouro. O lado negativo é que ele tende a cheirar mal porque as bactérias se desenvolvem super bem em suas fibras hidrofóbicas. Geralmente os fabricantes evitam colocá-lo como parte dos materiais. Nas linhas do Freeletics Wear uma ampla gama de tratamentos é aplicada aos tecidos. Ele é um tecido que precisa de pouca manutenção: é leve, não amassa e seca rápido, já que as fibras quase não absorvem umidade. As peças são fáceis de usar e de lavar, logo estão prontas para a sua próxima sessão de treino.

Quando usar: Imagine fazer um Helios ou correr 10K na chuva: é nessa hora que o polyester é perfeito para te manter seco.

Polyamid

Polyamida

A polyamida é o irmão mais velho, mais forte, porém mais macio, do polyester: um material hidrofóbico que não absorve umidade. Geralmente é encontrada em roupas para treinos ao ar livre, voltadas para performance, incluindo a nossa linha MAX. PRFRMNCE, por causa da sua alta força tênsil e da sua resistência à abrasão. Isso significa que as chances da peça se desgastar durante os burpees e outros exercícios do Freeletics é bem pequena. A polyamida melhora a capacidade de absorção por atuar como um canal para a umidade, espalhando-a pela superfície.

Não é fácil escolher funcionalidade em detrimento do estilo. Mas a boa notícia é que, com a linha MAX. PRFRMNCE você não precisa fazer isso. Dê uma olhada nessa nova linha do Freeletics Wear. Estilo desenvolvido para melhorar a sua performance. A inspiração e a inovação por trás de todo atleta.

Vista-se como um atleta, sinta-se como um atleta, se mova como um atleta, torne-se um atleta.