Adquira o seu Coach

Uma pessoa completamente diferente em 14 semanas: A estória da Seana

SeanaTransformation

Quando Seana começou sua jornada com o Freeletics, seu principal objetivo era perder o peso que ganhou enquanto estava na universidade. Depois de poucas semanas de treino consistente e alimentação saudável, ela já começou a ver e a sentir os resultados. Agora, 3 anos depois, Seana está se preparando para correr sua primeira ultramaratona e subir em pódios por toda a Europa. Naquela época, ela não tinha ideia do quanto aquelas primeiras 15 semanas com o Freeletics mudariam sua vida para sempre. Veja como tudo começou:

Embedded content: https://www.youtube.com/embed/SxO3OhdJqlE

Oi, meu nome é Seana, sou de uma pequena cidade no norte da Escócia, mas atualmente moro em Munique, na Alemanha. Venho de uma família muito esportiva, então desde pequena e na escola, estava sempre ativa. Mas foi o típico estilo de vida estudantil que me dominou: estudar o dia todo na biblioteca, onde a única comida disponível vinha de uma lanchonete. À noite, depois da universidade, eu trabalhava em um bar e restaurante e geralmente depois, na maioria das noites, saía para beber com os amigos, consequentemente eu não dormia o suficiente, acordava de ressaca e não via a hora de comer mais comida insalubre.

collage 2

Minha nutrição era muito inconsistente. Normalmente, eu não tomava café da manhã e no fim do dia comia um sanduíche. Entre as aulas, eu comia barras de chocolate ou batatas fritas e, à noite, preparava um prato de massa ou pedia pizza. Eu realmente não tinha interesse em cozinhar algo saudável e, na época, minhas prioridades também não me davam tempo para fazer isso. Me inscrevi em uma academia e às vezes ficava muito motivada e treinava por algumas semanas, mas nunca fui consistente o suficiente para ver o resultado. De qualquer forma, na maioria das vezes, eu pegava algum fast food ou sorvete no caminho para casa depois de uma sessão de ginástica, o que no fim das contas me sabotava.

Em setembro de 2014, pouco depois de me formar na universidade, me mudei para a Alemanha para trabalhar. Foi quando decidi que as coisas tinham que mudar. Numa manhã em março de 2015, lembro de ter visto meu reflexo no espelho, depois de mais uma noite pesada de fast food e álcool, e pensei “esta não é a pessoa que eu quero continuar a ser”. Eu não podia mais usar meu estilo de vida estudantil como desculpa, eu sabia que se eu quisesse mudar, era naquele momento ou nunca. Decidi experimentar o Freeletics depois de ver os vídeos on-line de transformação do Freeletics. Eu tinha a sensação de que seria intenso, mas eficaz, e era isso que eu estava procurando. Depois que o primeiro Aphrodite me deixou com dores musculares por dias, fiquei viciada. Foi o momento de realização que me deixou com mais vontade de treinar. É uma sensação única que até hoje me leva a definir objetivos maiores!

Durante aquelas 15 semanas a minha missão era permanecer firme e treinar com regularidade. No começo, eu seguia o Coach do Freeletics Bodyweight e treinava 3 vezes por semana, então era principalmente treino com peso corporal de alta intensidade. Cada sessão de treino durava entre 20 e 45 minutos e eu costumava treinar de manhã antes do trabalho por volta das 7h. Depois do primeiro mês, aumentei meu treino e adicionei 1 ou 2 corridas por semana com o aplicativo Freeletics Running. Comecei a ver os resultados depois de 4 ou 5 semanas, mas as maiores mudanças aconteceram após a semana 10. Depois disso, pude ver as mudanças e progredir quase todos os dias.

collage 1

O Freeletics também me ensinou que o treino e a nutrição andam de mãos dadas e, se você não melhorar ambos, não verá os resultados que procura. Com isso em mente, também fiz alterações na minha dieta. Primeiro de tudo eu cortei todo o fast food, alimentos processados, álcool e açúcar refinado. Eu sempre soube que estes não eram bons para mim, então era lógico que eles tinham que ir. Daí reduzi gradualmente a quantidade de carboidratos simples que eu comia - alimentos como macarrão, pão, arroz, especialmente à noite. Na verdade, eu parei de comer uma grande refeição à noite, ao invés disso eu tomava um café da manhã e um almoço mais nutritivos. Também prestei mais atenção ao que bebia. Troquei refrigerantes e sucos de frutas só por água, café preto e chá. Comecei a pesquisar receitas saudáveis e tentei cozinhar e preparar minha comida na medida do possível, assim podia ver exatamente o que estava acontecendo. Isso também me deixou mais interessada em cozinhar e em descobrir o papel que certos alimentos desempenham dentro do meu corpo, como por exemplo a proteína, etc. Um dia típico poderia ser algo assim:

Café da manhã:

  • Uma tigela de iogurte ou queijo quark (coalhada com baixo teor de gordura) com frutas picadas, como banana, mirtilo, maçã, etc, manteiga de amendoim, flocos de coco, canela.

Almoço:

  • Salada composta de alface, salmão, ovos cozidos, abacate, tomate, nozes e sementes torradas, queijo de cabra, queijo grelhado, legumes grelhados - praticamente qualquer combinação de legumes, nozes, algum tipo de queijo e molho balsâmico.
  • Omelete com espinafre, queijo feta e tomate seco acompanhado de salada.
  • Batata-doce assada com espinafre, coentro, queijo feta, abacate.

Jantar:

  • Uma tigela pequena de abacate e tomate.
  • Homus caseiro com pepino e cenoura.

Petiscos:

  • Iogurte sem gordura
  • Cenouras
  • Frutas e nozes (não mais que um punhado)
  • Barras de cerais
  • Pão caseiro de banana

collage 3

Não demorou muito para ver e sentir os primeiros efeitos. Depois de umas 4 a 5 semanas com alimentação saudável e treino percebi que minhas roupas estavam muito largas e tive que começar a comprar um novo guarda-roupa.

Muita gente me pergunta como me mantive firme, sem voltar aos meus velhos hábitos alimentares, ou o que foi diferente nessa tentativa. Acho que desta vez foi a motivação intrínseca para mudar. Eu realmente queria mudar por mim mesma e é por isso que abracei meu objetivo. O Freeletics também me ensinou sobre nutrição e treino, então comecei a aprender o que era bom para o meu corpo e a razão pela qual eu estava fazendo certos exercícios ou cortando certos alimentos. Isso me manteve ligada em ter uma alimentação saudável e não só para perder peso.

Nunca voltei aos meus velhos hábitos alimentares porque amo minha nova fase. Meu corpo se sente muito melhor depois que como uma refeição equilibrada e saudável em comparação com uma pizza ou um fast food, então eu realmente nunca me sinto tentada a voltar. A comida saudável que preparo também me satisfaz muito mais do que qualquer outra coisa. Eu faço da minha saúde e condicionamento a minha prioridade número um, e é assim que eu continuo no caminho certo, não importa o quanto eu esteja ocupada. Se sei que vou ter um dia cheio, encontro uma solução - acordo mais cedo para treinar, faço exercícios na hora do almoço ou treino à noite. Se algo é importante para você, você vai fazer acontecer, não tem desculpa. O mesmo vale para alimentos saudáveis - há sempre uma escolha mais saudável. Ok, às vezes eu posso estar em uma situação onde a opção “mais saudável” não esteja disponível, mas eu sempre faço a melhor escolha com o que tenho de opções. Frequentemente, também sigo o Coach de Nutrição do Freeletics e preparo muitas das minhas refeições no início da semana. A alimentação saudável nem sempre precisa ser chique, um pouco de queijo cottage com um punhado de amêndoas e mel, ou com algumas cebolinha e cenoura é super simples e vai satisfazer sua fome.

A maior recompensa que ganhei com minha transformação com o Freeletics foi perceber minha força mental e também minha paixão por correr. Tudo começou porque eu queria perder alguns quilos, mas o que descobri sobre mim e meu corpo se tornou minha maior conquista. O Freeletics é realmente difícil no começo, é mais do que apenas algumas sessões de treino toda semana, é a decisão de mudar sua vida e sua mentalidade e também a sua relação com a comida - isso é especialmente difícil porque a nutrição está ligada às nossas emoções. Mas isso é o que faz com que seja tão gratificante quando olho para trás e sei que fui forte o bastante para passar por essa primeira parte e agora a minha vida é muito melhor por causa disso. Me sinto muito poderosa, tanto mentalmente quanto fisicamente.

IMG 7276

SeanaTransformation

Se eu puder dar algum conselho a alguém que esteja começando o treino do Freeletics, é que seja paciente e pare de dar desculpas. Como eu disse antes, se você realmente quer algo, você vai fazer acontecer. Então, da próxima vez que você estiver prestes a cancelar sua corrida porque está chovendo ou porque você "não tem tempo" - em primeiro lugar, reconheça que isso é uma desculpa e ignore. Também tenha paciência porque os resultados levam tempo e diferem de uma pessoa para outra. Contanto que você mantenha o foco e não desista, você vai ver o progresso. Se você desistir, nunca vai conseguir.