Formação de hábitos: Só leva 21 dias?

Header Habit2 Freeletic 150214 FH 0978

Você está se esforçando para treinar com consistência? Ou para manter uma alimentação saudável? É verdade, é difícil adotar bons hábitos. É preciso mais do que desejar ter um bom hábito. É necessário ter disciplina, coragem e trabalho duro diariamente para manter um bom hábito. Entretanto, e se a gente te dissesse que a parte mais difícil de tentar transformar um hábito em rotina dura apenas 21 dias e que, depois disso, se torna uma parte automática do seu dia a dia? É bom demais para ser verdade? Talvez seja mesmo. Há muita controvérsia em torno da teoria do hábito em 21 dias. Alguns insistem que é um mito, outros argumentam que é a razão para o seu sucesso. Vamos cavar um pouco mais fundo e ver o que descobrimos.

A teoria

A Teoria do Hábito em 21 Dias foi introduzida pela primeira vez na década de 1950 por Maxwell Maltz, um cirurgião plástico. Ele descobriu que um paciente que tivesse, por exemplo, feito uma cirurgia no rosto, precisaria de 21 dias para se acostumar a ver a sua nova face. Assim como quando um paciente que tivesse uma perna amputada, sentiria um membro fantasma por cerca de 21 dias antes se acostumar à nova situação. Ele chegou à conclusão de que “estes, e muitos outros fenômenos comumente observados tendem a mostrar que se exige um mínimo de cerca de 21 dias para uma velha imagem mental ser substituída por uma nova”. A notícia se espalhou e logo a citação foi encurtada para: “Leva 21 dias para se formar um novo hábito” …e a expressão pegou.

A verdade

Então, a teoria está certa e você deve acreditar? Não podemos afirmar que depois de trabalhar 21 dias em um hábito, ele vai ser incorporado em sua rotina diária sem que precise se preocupar com isso novamente. Na verdade, um estudo no European Journal of Social Psychology analisou os hábitos de 96 pessoas por mais de 12 semanas. Em média, diz-se que um hábito leva cerca de 2 meses para se tornar um comportamento automático – 66 dias para ser mais exato. E para alguns pode levar até oito meses.

Então você deve ignorar a teoria completamente?

Sim e não. Por um lado, é um bom jeito de trabalhar duro com persistência em alguma coisa desde o início. E quem sabe, talvez após os 21 dias, o seu hábito pegue. É também um lembrete de que os hábitos se tornam rotinas, não importa o quão improvável às vezes isso possa parecer. Entretanto, você não deve basear todo o seu sucesso no dia 22. Formar hábitos não é um processo de tudo ou nada e não há problema se de vez em quando der algo errado, contanto que você continue a tentar. Formar um novo hábito depende do quanto esse hábito é difícil de adotar, do tipo de pessoa que você é e em grande parte do tempo depende também do seu ambiente e do que o cerca.

Veja como você deve usar essa informação

Comprometa-se a trabalhar duro pelo menos nesses 21 dias. Começar é o mais difícil e se apegar a seu novo hábito nas 3 primeiras semanas pode determinar se terá sucesso ou não nesse ano. No entanto, se no dia 22 você ainda se sentir como se tivesse que se arrastar para sair da cama, não se preocupe e não desista. Pode levar mais tempo e, de qualquer maneira, o tempo vai passar. Você pode desperdiçá-lo desejando ou fazer cada segundo valer a pena. Hábitos levam tempo e precisam de um comprometimento diário e trabalho duro. Vale a pena e você verá.

Quer saber mais sobre a formação de hábitos? Está tudo no Blog Oficial do Freeletics.