Adquira o seu Coach

Como eu me torno mais motivado – e permaneço motivado?

content 011

Ser mais ativo, fazer mais esporte, beber menos álcool, deixar de fumar… Depois de  apenas duas semanas, nós já esquecemos 90% das nossas boas intenções. Para garantir que isso não aconteça com você, nós coletamos as dicas mais eficientes (e importantes) para ajudá-lo a permanecer firme a longo prazo e evitar que desista nos momentos de fraqueza. Como eu posso tornar minhas boas intenções realidade?

Estabeleça objetivos concretos!

Antes de mais nada, é importante ter um objetivo concreto. “Estar em forma” “fazer mais esporte” ou “se alimentar de forma mais saudável” é tudo muito vago. Você não pode dizer quando é que você atingiu seu objetivo e deixa que somente o workout seja o caminho correto para chegar lá. A coisa importante é definir seu objetivo em valores. Isso deve ser expresso em termos de levar o seu peso a um dado valor, em atingir um tamanho de cintura específico ou circunferência do braço, terminar um workout ou uma corrida em um determinado espaço de tempo, completar um certo número de repetições estrela de um exercício ou adicionar uma certa quantidade de vegetais a cada refeição. Ainda melhor: vincule o objetivo a uma data específica.

Visualize o seu objetivo!

Mantenha os seus objetivos diante dos olhos. Imagine exatamente como é que você vai parecer e se sentir quando você tiver atingido o seu objetivo. Você vai se sentir orgulhoso? Alegre? Aliviado? Deixe a sua imaginação correr solta e livre. Emoções, especialmente as positivas, são motivadores muito mais fortes que fatores racionais. Mantenha o seu objetivo diante de seus olhos, literalmente – escreva o seu objetivo ou o desenhe e coloque em um lugar onde você possa ser confrontado com ele diariamente, como o espelho de seu banheiro, a sua escrivaninha ou a sua mesa de trabalho.

Estabeleça objetivos realistas!

Naturalmente você deve estabelecer metas altas – simplesmente não altas demais! Quando as pessoas são confrontadas com barreiras motivacionais, elas frequentemente querem fazer uma mudança completa e imediata, que a leva a assumir demais de uma só vez. A luta e a frustação para atingir esse objetivo frequentemente significa que o plano é abandonado completamente. Comece de onde você está e não de onde você gostaria de estar e estabeleça uma data alvo para atingir seu objetivo.

Trabalhe os marcos em direção ao seu objetivo!

Considere exatamente quais são os ganhos que você precisa para atingir os seus objetivos e quais são os passos que podem estar envolvidos no caminho de atingir isso. Coloque esses passos no papel, de forma que você possa passar sem problemas de um marco para o próximo! Sempre se concentre em atingir o próximo marco. Atingir um marco dá a sensação de sucesso e o empurra em direção ao seu próximo objetivo. Os marcos confirmam que você está no caminho certo e fazem o objetivo global parecer mais atingível nos momentos de fraqueza.

Marque um encontro!

Persiga seus objetivos com uma pessoa que pense como você, talvez um amigo, um membro da família ou um colega. Quando você marca uma hora para treinar com mais alguém, é muito mais provável que que você apareça, mesmo que seja apenas para não deixar a outra pessoa para baixo. Isso também faz diferença para a sua alimentação, se você sente que alguém mais está “vigiando” o que você come – e naturalmente, você ajuda a outra pessoa do mesmo modo.

Os grupos de treino são de muita ajuda em garantir que você não adie seu treino para o próximo dia sempre de novo. Treinar com os outros atletas inspira você a manter um bom trabalho e permite que você compare os pontos fortes e fracos, obtenha dicas e compartilhe suas próprias experiências. O encorajamento vindo dos outros e o senso de estar nisso junto vai aumentar o seu nível de motivação!

O que eu posso fazer contra a falta aguda de motivação?

Infelizmente, todos nós experimentamos momentos de fraqueza. Uma infinidade de razões podem ocasionar essa desmotivação, mas é precisamente nesses momentos que você precisa lutar contra o impulso de desistir. Caso contrário, esses sentimentos serão provalvelmente mais do que uma só parada.

Mantenha os seus objetivos em mente!

Mantenha a imagem de seu objetivo na mente e olhe para essa imagem ou texto onde você levou a caneta até o papel para decrevê-lo. Coloque-se nos sapatos do seu futuro, longe do presente e imagine como você se sente. Como você gostaria de ser ou como você não gostaria de se sentir?

Corpo acima da cabeça!

Atitudes mentais e físicas possuem uma interdependência estreita. Simplesmente adotar uma postura mais ereta pode melhorar seu humor e aumentar a sua motivação. Dar alguns passos estimula a circulação do sangue e redistribue certos neurotransmissores de tal forma que você imediatamente se sente mais motivado. Simule com o seu corpo uma atitude ativa e motivada e sua mente o vai seguir.

Antes cedo do que tarde!

Quanto mais tempo nós adiamos uma coisa, mais difícil se torna começar a lidar com ela. Isso se aplica mesmo a questões a curto prazo. Então, faça o seu treino agora mesmo enquanto a voz interna que tenta adiá-lo está relativamente quieta. Reserve alguma coisa pequena mas significativa como uma recompensa para quando você tiver terminado o treino. Pense na sensação de satisfação e na consciência tranquila que você vai ter. O maior problema, como sempre, é começar! Ou já aconteceu de você pensar que não está motivado durante o treino?

Nada jamais vai para o lixo!

Mesmo se você negligenciou a sua rotina de exercícios ou a sua dieta por algum tempo, se despeça da idéia de que nada mais faz agora diferença. Cada único dia que você comer de forma saudável é melhor do que quando você não o fez. Você sempre pode adicionar uma outra sessão de treino ou um outro dia de comer saudável ao primeiro mesmo depois de uma pausa. Em vez disso, se concentre em refletir em como você entrou nessa situação e sobre o que você poderia fazer diferente no futuro. Trapacear com as refeições ou perder sessões de treino não se transformam em retrocessos a menos que suas escorregada gradualmente se transformem em rotina. Uma vez que isso ocorra, o ciclo vicioso rapidamente se estabelece.

Afinal de contas, o momento perfeito não existe. Certamente é popular se focar no primeiro dia do ano, um mês ou uma semana – mas muito honestamente, amanhã é o primeiro dia do resto de sua vida, portanto faça o melhor disso! Não espere mais e comece a fazer!